A Folha Regional - Início - Variedades

Gruppo Amarcord se apresenta em Muzambinho e Guaranésia

Em 17/08/2010 - Variedades -

Machado também irá receber apresentação internacional do Gruppo Amarcord. Espetáculo também acorre em itinerância por quatro estados brasileiros pelo projeto Palco Itália. Entre os meses de agosto e setembro de 2010, o Festival Palco Itália Itinerante, realizado pela Associação Ponte entre Culturas-MG, em parceria com a Associação Cultural Ítalo-Brasileira – ACIBRA/MG, promoverá a circulação do Gruppo Amarcord - Cia. Italiana de Teatro e Ópera por quatro estados brasileiros. O Projeto Palco Itália reflete a continuidade das ações promovidas, desde 2004, pela Associação Ponte entre Culturas, cujos objetivos são promover o intercâmbio cultural e artístico Itália/Brasil, ampliar a rede de cidades, comunidades e pessoas interessadas na pesquisa e na preservação da memória da imigração italiana e fortalecer a ponte cultural entre os dois países.O Gruppo Amarcord, renomada companhia italiana proporcionará ao público um espetáculo gratuito de uma hora e meia, sobre um palco em praça pública ou em comunidades rurais e bairros periféricos, apresentando árias de óperas famosas e canções da tradição popular, interpretadas por cantores e músicos italianos profissionais de altíssimo nível e competência, sob a direção de Claudio Mattioli.

Veja +

Enlace Giuliana & Vinicius

Em 22/01/2010 - Variedades -

“Nem  olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus preparou para nós” (1º Corintios 2:9) MUZAMBINHO - O início do ano marcou com destaque o amor e a união da arquiteta Giuliana Kelly Alves (filha de Vera e Vagner Alves) e o engenheiro Vinícius Eduardo Sarraf Tavares (filho de Nassub e José Luiz Tavares).A bela união foi selada com emoção pelos noivos, padrinhos e convidados no último dia 16, na Igreja Presbiteriana Independente de Muzambinho.

Veja +

Grupo Fonte Sonora: qualidade musical para os amantes da MPB

Em 12/01/2010 - Variedades - Assessoria de Imprensa

A música brasileira tem seu início no século XVI, mas apenas no século XIX começa a ganhar identidade, com o chorinho. No final desse século começam a surgir as primeiras músicas que deram origem ao samba, tendo Chiquinha Gonzaga sua principal personagem. Com a revolução proporcionada pelo rádio, sobretudo na primeira metade do século XX, muitos compositores e cantores se despontaram e arrebataram fãs por todo o país. A partir de então, a música brasileira começou a ter, de fato, uma identidade. A Bossa Nova surgiu nesse período.

Veja +

Boca de Cena estréia “Eles Não Usam Black-Tie”

Em 03/11/2009 - Variedades -

Peça clássica comemora os 10 anos do teatro O Grupo de Teatro Boca de Cena comemora em 2009 seus 10 anos de existência com a mais clássica e bela das peças teatrais brasileiras: “Eles Não Usam Black-Tie”, de Gianfrancesco Guarnieri. Foram 10 anos de sucesso para tornar o teatro tradição em Muzambinho e região.

Veja +

Remuneração dos trabalhadores das forças de segurança do Estado de Minas Gerais

Em 19/10/2009 - Variedades -

Os trabalhadores das forças de segurança do Estado de Minas Gerais - policiais militares, civis, bombeiros e agentes penitenciários - tiveram entre julho de 2004 e setembro de 2009, reajuste acumulado de 77,54% em sua remuneração básica. O plano de concessão de reajustes e vantagens teve início na segundo semestre de 2004, quando a categoria recebeu 6% de aumento. Em fevereiro de 2005, foi concedido aos servidores aumento de 10%.

Veja +

Músicos de Varginha se unem em defesa da música brasileira

Em 14/10/2009 - Variedades -

Com a cultura de massa, influenciada pelos meios de comunicação, a arte, com o seu poder transformador, tornou-se pequena e muitas vezes insignificante, principalmente para a população nascida em meio ao fortalecimento da mídia de massa. Os jovens de hoje, em meio a um cenário caótico em que a arte se encontra (não somente no Brasil, mas no mundo como um todo) desconhecem, em sua grande maioria, o significado de arte em seu sentido mais profundo. A referência da cultura fica, dessa forma, restrita a valores deturpados.

Veja +

Música e literatura marcam agenda desta quarta-feira na livraria Castro Alves

Em 14/10/2009 - Variedades -

Poços de Caldas, MG – Nesta quarta-feira (14), a agenda de atividades culturais promovidas pelas livrarias Libertas e Castro Alves - em comemoração ao mês das crianças e do professor - apresenta o projeto Contos Cantados, com a musicista e arte-educadora Jaqueline Salvador. Cerca de 120 crianças participam da iniciativa, que apresenta atividades de musicalização infantil e contação de histórias, a partir das 13h30, na livraria Castro Alves.

Veja +

Justiça de Minas Gerais a favor do direito autoral

Em 29/09/2009 - Variedades -

Este mês, o Tribunal de Justiça de Minas Gerais aplicou a Lei de Direitos Autorais a favor de artistas, ao deferiu liminar impedindo a constante execução pública de músicas, sem licença autoral prévia, praticada pela Rádio Cidade FM e pela Prefeitura de Centralina, em eventos públicos realizados na cidade. A Lei do Direito Autoral vigente no país assegura que somente os autores têm o direito de utilizar, fruir e dispor de sua obra, bem como autorizar a sua utilização por terceiros. O autor da ação é o Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad), instituição que trabalha na defesa dos direitos autorais de compositores, músicos e intérpretes.

Veja +

Justiça do Trabalho atinge 70% da Meta 2

Em 31/08/2009 - Variedades -

Os tribunais trabalhistas de 1º e 2º instâncias julgaram até esta quinta-feira (27/08) 75.180 processos, cumprindo, assim, 70% da Meta 2, estabelecida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Com esse resultado, restam apenas 31.887 processos. A Meta 2 determina que os 91 tribunais do país julguem até o fim deste ano todos os processos que foram distribuídos até dezembro de 2005.O resultado é considerado surpreendente e reflete o grande esforço do ramo trabalhista para atingir a meta, segundo avaliação da juíza auxiliar da Corregedoria Nacional de Justiça, Salise Sanchotene. Somente no mês de julho, a Justiça Trabalhista conseguiu julgar 32.896 processos, ou seja, 30,72% do estoque de 102.618 existentes no início do desafio estabelecido pelo CNJ , em 16 de fevereiro deste ano, durante o 2º Encontro Nacional do Judiciário, em Belo Horizonte (MG). “A mobilização foi muito grande. Se esse ritmo for mantido, em agosto a Justiça Trabalhista conseguirá zerar a meta, pois, o volume de processos que restam para serem julgados é inferior ao montante finalizado em julho”, acrescenta Salise Sanchotene. Segundo ela, até semana passada, cinco tribunais regionais do trabalho já tinham cumprido a meta. Até mesmo o Tribunal Superior do Trabalho (TST) tem se esforçado para acelerar a apreciação dos processos e já concluiu 48% das reclamações distribuídas até 2005. O melhor resultado entre os tribunais superiores, no entanto, é o do Superior Tribunal Militar (STM), que já atingiu 65% da meta. A Meta 2 é um dos 10 objetivos traçados pelo Judiciário brasileiro para alcançar este ano.

Veja +

« 1 2 3 4 5 6 7 »