Prefeitura deverá iniciar construção de um PSF no Ouro Verde Guaxupé nos próximos dias

Publicado em 20/05/2020 - regiao - Da Redação

Prefeitura deverá iniciar construção de um PSF no Ouro Verde Guaxupé nos próximos dias

Autorização será dada pelo Ministério da Saúde que já disponibilizou o projeto arquitetônico 

A Secretaria Municipal de Saúde anunciou no início da tarde da terça-feira (19) que Guaxupé terá mais uma Unidade de Saúde para atender a população. O novo PSF será construído em uma área da Prefeitura localizada na Rua Euzápio da Silva, 35 no bairro Ouro Verde. O recurso financeiro no valor de aproximadamente R$617 mil virá pelo Governo Federal, através do Ministério da Saúde. O Posto de Saúde da Família atenderá além do Ouro Verde, os bairros Jardim Limoeiro, Vale Verde e Chácaras Bom Jardim, que totalizará cerca de 4 mil moradores. 

Para que Guaxupé pudesse ser contemplada com o recurso para a construção do PSF, a Prefeitura, como contrapartida, cedeu a área de 900m² e já deixou a área com a terraplanagem pronta. Com esse PSF, o município que hoje tem 84% passa a ter 92% de sua área com cobertura de Equipe de Saúde da Família. 

De acordo com o prefeito Jarbinhas, uma equipe ficará à disposição para atender aos moradores, sendo um médico clínico geral, uma enfermeira, um técnico de enfermagem, um dentista, um auxiliar de saúde bucal e seis agentes comunitários de saúde. 

“Estive em Brasília quando ainda tínhamos na Câmara dos Deputados o amigo e deputado federal Marcus Pestana que muito nos ajudou. Fomos ao Ministério da Saúde e apresentamos a necessidade do bairro Ouro Verde, bem como toda aquela região possuir um PSF. Graças a Deus nossa cidade foi contemplada e em março fizemos a licitação da obra. O projeto é padrão do Ministério da Saúde e agora, com a contrapartida da Prefeitura, estamos aguardando somente a autorização e liberação dos recursos financeiros junto à Caixa Econômica para que a ordem de serviço possa ser dada e iniciarmos a construção”, explicou o prefeito. 

Segundo o Secretário Municipal de Obras, Éliton Pereira, assim que o Ministério da Saúde autorizar, a obra será iniciada e levará por volta de 10 meses para a conclusão.


ASCOM /Prefeitura