Romeu Zema participa de evento sobre metrópoles inteligentes

Publicado em 29/11/2019 - politica - Da Redação

Romeu Zema participa de evento sobre metrópoles inteligentes

Governador ressalta importância da mobilidade urbana para desenvolvimento econômico do estado 

O governador Romeu Zema participou na quinta-feira (28/11) da VII Conferência Metropolitana da RMBH, na Cidade Administrativa. Com o tema “Metrópoles inteligentes, cidades inovadoras”, a conferência é promovida pela Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Belo Horizonte (ARMBH).

De acordo com o governador, é fundamental que a mobilidade urbana seja debatida e melhorada. “Eu ando constantemente na cidade de carro e percebo quanto é difícil, como se perde tempo, andando em Belo Horizonte. É importantíssimo que venhamos aqui discutir o assunto”, comentou.

Romeu Zema lembrou da visita que fez, na semana passada, à sede da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), na capital. “Há 30 anos uma Região Metropolitana tão expressiva não recebe investimentos na área. Eu que morei em São Paulo, e que volto lá constantemente, percebo que nesse período, a capital paulista recebeu 20 ou 30 novas estações de metrô. Rio de Janeiro, a mesma coisa, vários investimentos. E Belo Horizonte está estagnada nesta questão”, lembrou.

No entanto, Romeu Zema afirmou aos participantes da conferência que a Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra) já sinalizou que Minas Gerais tem tudo para receber do governo federal uma compensação da VLI - concessionária ferroviária que explora parte da malha no estado -, no valor de R$ 1,2 bilhão, que seria um passo importante para viabilizar a linha Calafate-Barreiro.

Ambiente favorável

Já o secretário-adjunto de Desenvolvimento Econômico, Adriano Magalhães, destacou a necessidade de se criar um ambiente favorável aos investimentos para poder viabilizar as cidades inteligentes. “Se queremos olhar para o futuro, é preciso que tenhamos um ambiente favorável. Por isso, nós vamos lançar, no dia 4 de dezembro, o programa ‘Minas Livre para Crescer’, que é um momento importante para discutirmos a regulamentação em todas as áreas para melhorar o ambiente de investimento no Estado”, disse.

Diálogo

Para a diretora-geral da ARMBH, Mila Costa, o evento foi um momento de compartilhamento, aprendizado e de diálogo dos gestores públicos com a sociedade civil. “É um momento de apresentação de propostas, de reflexão sobre o tema metropolitano, sobre o papel da agência e sobre o arranjo metropolitano. “Tivemos oportunidades de criar propostas que realmente serão efetivadas”, afirmou.

Mila Costa explicou que o plano diretor da RMBH é um grande desafio que a agência tem que enfrentar neste momento. “O governador vai encaminhar à Assembleia um projeto de lei contemplando nosso PPDI. E este tema será resgatado a partir da recomposição do conselho metropolitano. “Nós somos a terceira maior região metropolitana do país. A primeira fora do eixo Rio-São Paulo. Cerca de 40% do PIB de Minas está centralizada na Grande BH”, lembrou.

No evento, Mila apresentou ações que estão sendo desenvolvidas nesta gestão pela Agência Metropolitana. Uma delas, por exemplo, é a criação de um Escritório de Mobilidade em parceria com a Seinfra, que foi anunciada durante a cerimônia. Ainda durante a conferência, foram eleitos os novos membros do Conselho Deliberativo da Agência.

Também participaram da solenidade o secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Germano Vieira; o secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Marco Aurélio Barcelos; o procurador de Justiça João Medeiros Silva Neto, representando o procurador-geral de Justiça do Estado, Antônio Sérgio Tonet; a secretária-adjunta de Planejamento e Gestão, Luisa Barreto; o  presidente da Assembleia Metropolitana e prefeito de São Joaquim de Bicas, Guto Resende; o presidente da Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Belo Horizonte e prefeito de Nova Lima, Vitor Penido; entre outras autoridades.

SEGOV