A Voz de Todos - Edição 997

Publicado em 23/07/2010 - vonzico - Ivon W. Vieira (Vonzico)

PENSAMENTO DA SEMANA: “Quem não souber viver com pouco, será sempre um escravo do desejo”. (Todos nós) “A FOLHA REGIONAL”, ULTRAPASSANDO OS LIMITES DO IMPOSSÍVEL – Muitos jornais, em priscas eras tentaram de todas as formas manterem-se em atividade; muitas décadas se passaram e eis que surgem dois jovens cheios de esperanças e denodo, e em memorável dia lançaram a “A Folha Regional”, um arauto que levaria e leva até os dias de hoje as notícias e reivindicações dos municípios que por ela são atingidos.
Vagner Alves e Cláudio Ferreira, irmanados num só plano, há mais de 20 anos, resolveram lançar um jornal semanal que suprisse de vez uma lacuna na região, e fundaram “A Folha Regional”, que desde o primeiro número mostrou a que veio e num diapasão crescente mantém-se até os dias de hoje como um arauto de todas as cidades limítrofes, e por vezes atravessa fronteiras levando aos filhos ausentes um lenitivo para matar a saudade que paira em cada filho espalhados pelo Brasil afora.
Nesta oportunidade em que atinge a 1000 edição é mister que se faça justiça à plêiade de funcionários; colaboradores; assinantes; e adeptos, que são realmente baluartes para que o jornal permaneça firme e cada edição propicie aos leitores noticias de sua cidade e de toda a região a que se propôs atingir.
Muitos jornais foram editados, mas nenhum se manteve em atividade por tanto tempo, e sempre mantendo equidistância dos poderes, e em razão disto, tornou-se um jornal respeitado e digno de ser lido e até guardado para que a história não seja mais denegrida ou maculada.
Muzambinho vangloria-se de ter como sua legitima representante “A Folha Regional”, que semanalmente, contra todas as intempéries procura levar ao leitor o que acontece na região, sem jamais atingir a idoneidade de quem quer que seja, mas sempre dando a noticia real e insofismável, com sinceridade, respeito, tendo por base principal a verdade, que por vezes fere e atinge o âmago da questão, mas com o propósito firme de bem informar, e em razão disto resolver quaisquer problemas, visando sempre o bem estar da população e por consequência o município, razão principal do progresso do Estado e do Brasil num todo.
Aproveitando a oportunidade, de todo o coração, queremos dar os sinceros parabéns ao Diretor Vagner Alves, que com carinho e abnegação dá ao Jornal, em cada edição, o respaldo necessário para que seja admirado e principalmente gozando do respeito, mola mestra do progresso de qualquer entidade.

ASSUNTOS REPETIDOS NA TELEVISÃO: CANSATIVOS! – Pode-se ligar qualquer canal da TV que não se ouve ou vê o mesmo assunto, isto é, o desaparecimento da mulher do jogador de futebol Bruno. Será que não existem outros assuntos? O assunto é repetitivo e cansativo, e entra e sai dia e tudo se repete. Não seria melhor esperarem até o final e depois dar a noticia? Até alguns jornais já fizeram charges repudiando tais repetições.

ENCONTRO COM O PREFEITO ESQUILO – Nota-se no semblante de nosso Prefeito Sérgio Paolielo, o Esquilo, que ele está imbuído em fazer uma grande administração, e seu entusiasmo é contagiante, e seu amor à Muzambinho é inconteste, e temos certeza que o que estiver ao seu alcance em beneficio da cidade e da população será feito. Estaremos sempre às ordens para o que der e vier, pois amamos nossa cidade como se nossa própria casa fosse, e notamos que o Esquilo tem o mesmo propósito. Avante Esquilo, pois Muzambinho merece sempre o melhor!

SERÁ QUE ALGUM DIA MUZAMBINHO SERÁ TOTALMENTE ASFALTADA? – É uma tecla que há anos estamos batendo e repetindo exaustivamente, mas “água mole bate até que fura”, temos a esperança e perspectiva que algum dia um Prefeito tome tal iniciativa, e aproveitando o entusiasmo e a vontade de nosso atual Prefeito Esquilo, voltamos a comentar tal assunto e quem sabe num rompante de entusiasmos ele possa transformar tal sonho em realidade. Já pensaram nossa Avenida Dr. Américo Luz, Rua Tiradentes, e a Praça Pedro de Alcântara Magalhães (do Jardim) todas asfaltadas? Não seria a glória e nossa cidade se transformaria na mais bela da região? Como sonhar é preciso, continuamos a esperar. Somente insistimos, pois já estamos perto dos 90 e queremos antes de nossa partida para a eternidade tenhamos tal alegria. É pedir muito? Esperamos que não! Temos que acompanhar a evolução e o tempo dos paralelepípedos já passou a não ser em ruas íngremes de difícil acesso. Aguardamos notícias e providências!

REUNIÃO DA ACADEMIA MUZAMBINHENSE DE LETRAS – No prédio da Câmara Municipal foi realizada uma reunião informal dos Acadêmicos de Muzambinho, sob o comando da Presidente D. Maria de Lourdes  Martins, onde diversos assuntos foram ventilados, inclusive para a comemoração do primeiro aniversário de fundação, no próximo mês. Esteve presente a maioria dos Acadêmicos, onde passamos momentos de descontração e alegria. É Muzambinho na vanguarda, como sempre! A reunião aconteceu na noite do dia 15 do corrente mês.

VOLTAMOS A INSISTIR: O BAIRRO “IMIGRANTES” PEDE SOCORRO! – Os moradores do bairro Imigrantes, por nosso intermédio, pedem socorro ao Prefeito Esquilo, pois o local se transformou num lamaçal intransitável, e qualquer chuva o barro toma conta. Então cansados de promessas e esperam uma providência urgente. Calçamento já! É pedir muito? Com a palavra quem de direito!

NÃO É PROIBIDO ENTREGAR OBRAS INACABADAS? – Somos leigos no assunto, mas se não existe, deveria existir uma Lei que proibisse a inauguração de qualquer benfeitoria ou obra inacabada, e todo bairro (parece que o Imigrantes teve fins eleitoreiros) deveria ser entregue à população com toda a estrutura pronta, com água, esgoto, calçamento e tudo que o fosse necessário para depois entregarem lotes ou casas. Será que estamos errados? Com a palavra quem de direito! Coitado do povo, sempre é enganado na época das eleições! Até quando?       

O BAIRRO COHAB TAMBÉM ESTÁ ARRASADO – Conforme publicação na edição anterior, o bairro Cohab também está com suas ruas em péssimas condições; esburacadas; e com lama por todos os lados quando chove. Solicitam os moradores uma visita das autoridades e providências urgentes. Muzambinho não tem fiscais para levarem ao conhecimento do Prefeito tais irregularidades? Lamentável!

SE COLOCÁSSEMOS OS XINGAMENTOS, SERÍAMOS CENSURADOS! – Se colocássemos os “nomes feios” que as pessoas falam ao reclamar sobre buracos, lamas, e problemas em suas ruas, naturalmente seríamos censurados. Pedimos aos leitores que quando nos telefonarem reclamando sobre algum problema na cidade, que usem um “palavreado” mais calmo, pois temos certeza que frente a frente do Prefeito ou de qualquer autoridade, ninguém teria coragem de repetir os palavrões, e também não quero ouvi-los. Com calma, educação, e uma boa conversa, pode-se resolver qualquer problema. A educação e a calma sempre serão boas companheiras.

COITADO DO MEU PALMEIRAS – Dá dó ver o Palmeiras jogar. Time horrível sem nenhum jogador de destaque. Perdeu de 4 x 2 para o Avaí que jogou com 10. Quem viu o Palmeiras dos bons tempos e vê hoje dá pena. Coitado do Felipão!

PIADA DA SEMANA: O LADRÃO, O DINHEIRO, E A FELICIDADE – O sujeito estava sendo preso e interrogado pela Polícia. Então, depois de roubar e levar vinte mil reais, você voltou para pegar as jóias as família? O ladrão respondeu: foi quando eu me lembrei que só o dinheiro não traz felicidade! (???)