A Voz de Todos - Edição 986

Publicado em 07/05/2010 - vonzico - Ivon W. Vieira (Vonzico)

PENSAMENTO DA SEMANA: Aos invejosos: “A sua inveja é a razão do nosso sucesso”! (Todos nós)

MATANDO SAUDADE DE SÃO PAULO - A cidade de São Paulo, foi sem dúvida a nossa “Mãe”, no sentido de nos dar tudo o que temos, não só na vida maternal, mas também no sentido de amor e carinho, onde vivemos por quase 45 anos de nossa existência. Agora, para tratamento médico da esposa, aproveitamos para visitar filhos, parentes, e diletos amigos que temos dos velhos tempos. Esperamos em breve voltarmos ao convívio dos nossos conterrâneos e amigos, e vivermos as peripécias do dia a dia. Encontramos velhos amigos, inclusive alguns muzambinhenses, aos quais forneci alguns exemplares da última edição da “FR”, em comemoração aos 20 anos de sua fundação e já estão programando suas idas na cidade quando A Folha Regional completar 21 anos, que temos certeza será uma “Festa de arromba”, quando então completará sua “maioridade”.

“JESUS NÃO ERA ASSIM”! SERÁ? – A partir do Santo Sudário, o rosto é recriado em 3D, mas a ciência já provou que a face não é de Cristo, e que Ele não tinha olhos claros, não era mero loiro, e sim moreno, de feições rudes e cabelos escuros como os mulçumanos que aparecem hoje nas TVs. A chance de Cristo ter usado barba e cabelos compridos são grandes, já que este fazia parte dos costumes dos homens palestinos, até os dias de hoje. Portanto, conforme estudos por aparelhos modernos no Santo Sudário, divergem totalmente do Jesus que hoje nos é apresentado, inclusive alguns afirmam que a peça aproveitada não tem ligação nenhuma com Cristo e tudo é pura ficção. Assim sendo, ficaremos sempre na dúvida sobre a real descrição de Jesus.

NOVO CONVITE: NOSSOS “CAUSOS” – Felizmente nossos “Causos” ainda estão rendendo, pois fomos convidados e aproveitando nossa estada em São Paulo, comparecemos mais uma vez na Escola de nossa neta, e passamos momentos agradabilíssimos contando as peripécias de nossos antepassados; as assombrações e facetas dos mais antigos. Levamos um exemplar de nosso livre de “Histórias, Causos e estórias” e parece que agradamos, pois após o encontro, nos foi oferecida uma linda e gostosa mesa de guloseimas. É que as crianças gostam realmente de “histórias do outro mundo”, e o mineiro sempre tem alguma coisa pra contar.

UMA “CIDADE” CHAMADA HOSPITAL DAS CLÍNICAS – Quem visita o Hospital das Clínicas de São Paulo, mais parece estar numa cidade, em razão do número elevado de gente que comparece diariamente para consultas. Estivemos com a esposa, que foi fazer alguns exames e durante algumas horas pudemos constatar o tamanho do Hospital e a quantidade de gente que lá comparece para consultas diárias. Nossa sobrinha Rossana, filha de nosso irmão Ivonaldo é muito importante lá, razão porque temos melhor acesso às consultas.

TIME DE FUTEBOL “PEQUENO” NÃO GANHA CAMPEONATO: SANTOS CAMPEÃO PAULISTA! – Quem assistiu pela TV o jogo entre Santos e Santo André, viu que foi anulado um gol legitimo do Santo André, que lhe daria o título de campeão. Mas, infelizmente, é uma regra onde o menor, não só no esporte, mas em toda a vida, nunca leva a melhor. Foi mais uma vergonha, lamentavelmente. O próprio Milton Neves, nosso conterrâneo, após o jogo repetiu por diversas vezes: “O Santos foi campeão no APITO”. Foi muito triste! Enfim!!! E olhem que o Milton é “Santista roxo”!

DEVEMOS VALORIZAR NOSSAS CIDADES – Nós que vivemos em cidades do interior devemos agradecer a Deus, pois, hoje viver numa cidade grande como São Paulo ou mesmo em outra de grande porte, vive sempre preocupado, numa correria desenfreada, sem sossego e com problemas de toda ordem. Já foi o tempo quando São Paulo era a Meca de todos, com bastante trabalho, diversão, e com perspectiva de sucesso garantido, mas hoje tudo mudou e todos vivem numa correria sem destino. Viver hoje em cidades grandes é um sacrifício, onde tudo é mais difícil e a vida muito mais cara. Portanto, viver em cidades interioranas ainda é a melhor solução.

MATANDO SAUDADE DE VELHOS AMIGOS – O que realmente salvou nesta nossa estada em São Paulo foi o reencontro com velhos amigos, inclusive com alguns jogadores do Palmeiras, que na juventude até atuamos com alguns deles. No Edifício Matarazzo, em cuja firma trabalhamos por mais de seis anos, conversamos com muitos funcionários, inclusive com dois senhores, que são filhos de nossos ex-colegas nos bons tempos de nossa juventude, cada vez que visitamos São Paulo, damos uma volta no passado e revivemos muitas alegrias dos bons tempos, quando tudo era risonho e alegre. Feliz é o homem que tem boas lembranças, e nós as temos em profusão. É como dizem os poetas: “Recordar é viver”! Vinte anos depois de mudarmos para Muzambinho, ainda encontramos grandes amigos em São Paulo, e somos festejados quando os encontramos. A amizade é tudo na vida!

PIADA DA SEMANA: CONVERSA ENTRE AMIGAS – Uma mulher estava conversando com a amiga e disse: fui eu que fiz o meu marido ficar milionário! E o que o seu marido era antes? Perguntou a amiga. Ele era bilionário(!!!)