A Voz de Todos - Edição 1058

Publicado em 30/09/2011 - vonzico - Ivon W. Vieira (Vonzico)

PENSAMENTO DA SEMANA:
CUIDADOS COM A SAÚDE

1) Tome pelo menos dois litros de água diariamente
2) Deixe um recipiente com água no quarto de dormir
3) Evite ficar em locais sem ventilação por muito tempo
4) Coma mais frutas e verduras do que o costume
5) Pingue soro fisiológico nas narinas e nos olhos, em caso de irritação 6) Não use roupas guardadas há muito tempo sem antes lavá-las ou colocá-las no sol
7) Vacine-se contra a gripe
8) Evite fazer exercícios físicos entre as 14 e 16 horas.
As recomendações acima são de médicos e de professores de Educação Física.

MUZAMBINHO, CIDADE FESTEIRA POR EXCELÊNCIA
Muzambinho desde os primórdios de sua existência tornou-se numa cidade onde todas as datas, religiosas, folclóricas e as mais representativas do Brasil e do mundo, foram comemoradas dignamente. Lembramos com saudade dos desfiles de cavaleiros, charretes, carros-de-bois, e mais ao longe no tempo os soldados do 10º Batalhão aqui sediado em datas cívicas desfilavam garbosamente e uma banda entoava o Hino Nacional e a cidade ficava toda engalanada. Hoje quase nada acontece, o que é uma pena, pois Muzambinho sempre foi referência na região e quiçá no Brasil, sendo citada em prosa e verso nos anais de nossa gloriosa História Pátria. Vamos voltar aos bons tempos? Com a palavra os diretores, professores e autoridades. Quem viveu nos áureos tempos sente uma imensa nostalgia e tristeza que tempos imemoriais que parecem não voltar jamais. Aguardamos notícias, pois uma cidade eminentemente estudantil não pode viver do passado. Avante diretores, políticos e administradores.

VOLTAMOS A MESMA TECLA: “MUZAMBINHO, CIDADE QUE TINHA”
Voltando a um passado não mui distante, recordamos até com certa tristeza,  quanto nossa cidade perdeu nas últimas décadas: Fábrica de banha, fábrica de doces (famoso em todo o Brasil), tecelagens, fábrica de tecidos, teares. Isto sem comentar sobre os esportes em geral, com destaque para o futebol, voleibol, basquete, atletismo (lembram das corridas de São Silvestre no fim do ano quando grandes corredores vinham de todas as partes disputar?). Vantuil Abdala, Edson Dino, Angu, Ivalmo (nosso irmão) e outras se destacavam (o Paradinha também). E as tardes futebolísticas com o Atlético, Comércio, Vera Cruz e os times da zona rural? Não existe em nossa cidade uma Secretaria de Esportes? E o Ginásio e as Escolas Públicas, as aulas de educação física não funcionam?

E AS RAINHAS E PRINCESAS, QUE SAUDADE!
Em nossa juventude as disputas nas quermesses, festas juninas e outras, o ponto principal era escolher a mais bela jovem, e lembramos as misses Gonçalves Siqueira, Nininha Martins, Alda Pinho, Silvia Varoni e vai por ai afora? Muzambinho sempre se destacou na região por suas lindas garotas, e porque não reviver tantos dias de glórias? Vamos acordar? E os diretores e professores dos estabelecimentos educacionais não podem realizar tais eventos? E a Prefeitura também? É uma pena pois Muzambinho sempre se destacou como a pioneira em grandes realizações e eventos, e agora o que está acontecendo? Com a palavra quem de direito, ou estamos errados?

CONVITE PARA CONTAR NOSSOS “CAUSOS” EM SÃO PAULO
Recebemos um convite da Escola onde nossa neta Paula estuda para lá voltarmos para contar alguns “causos” de nosso folclore. Já o fizemos certa vez, e parece que gostaram, pois fomos convidados novamente. São coisas de um passado distante, que não pode jamais cair no esquecimento, e como somos um saudosista nato, vamos anotando e contando as peripécias de nossos antepassados. Tudo faremos para comparecer na data aprazada. Aqui em Muzambinho e algumas escolas já comparecemos para a mesma finalidade, e estaremos sempre às ordens, pois não devemos esquecer dos fatos pitorescos de nossa juventude.

FESTA DE BARRAQUINHAS EM MUZAMBINHO: UM SUCESSO COMO SEMPRE!

Todos os anos são erguidas em nossa Avenida Américo Luz, defronte o Colégio, defronte a Igreja Matriz e também no centro, algumas barracas com a finalidade de angariar fundos para nosso Lar São Vicente de Paula, para a paróquia ou outras entidades filantrópicas, e a população comparece e coopera para o êxito, onde pessoas abnegadas dão tudo de si para que tudo saia a contento. De parabéns os muzambinhenses que sempre comparecem e cooperam para o êxito de tais eventos, que colabora para a melhoria de vida de pessoas necessitadas e entidades filantrópicas. Eta Muzambinho danada, que tem pessoas que se dedicam de corpo e alma em benefício de seus semelhantes.

A FOLHA REGIONAL TORNOU-SE UMA PARTE DA VIDA DAS PESSOAS
O nosso jornal, a cada dia, a cada mês, a cada ano, e a todo momento, se transforma no arauto que leva semanalmente a todos, as notícias, as reclamações, as diretrizes, e informações gerais, e a cada instante fica fazendo parte integrante de nossas vidas. De parabéns o Diretor Vagner Alves e toda a sua equipe, por manter tão tradicional e querido jornal, mantendo-se sempre eqüidistante de áreas políticas, e num diapasão de honestidade do bem informar, sem tomar partido, visando sempre a verdade, “doa a que doer”, mas sem jamais denegrir a imagem de quem quer que seja, pessoal ou em caráter geral. Parabéns efusivos!

PIADA DA SEMANA:
RECEITA MÉDICA (ARSÊNICO)

Uma mulher entra em uma farmácia e pede: Por favor, quero comprar arsênico. E o farmacêutico: por que a senhora quer comprar esse veneno? A mulher explica: Para matar o meu marido. E o farmacêutico: Infelizmente, não posso vender veneno para esse fim. A mulher, então, abre a bolsa e tira uma fotografia do marido transando com a mulher do farmacêutico, que diz: Desculpe minha senhora. Eu somente não fazia idéia que a senhora tinha uma receita para isso.