A Voz de Todos - Edição 1054

Publicado em 02/09/2011 - vonzico - Ivon W. Vieira (Vonzico)

PENSAMENTO DA SEMANA – “PASTORES ENGANOSOS”: Na maioria dos que lutam em favor de Deus, quase sempre são os menos pacíficos”. (Stefan Zweig)
ALÔ PREFEITO: BANHEIROS PÚBLICOS JÁ! – Nossa Avenida Américo Luz, uma das mais belas da região, pede socorro no que concerne a banheiros públicos, pois a população que freqüenta nossa principal artéria, o “coração da cidade”, não tem nenhum lugar para fazer suas necessidades, a não ser em bares até na padaria, o que é lamentável. Temos dois quiosques desativados, que outrora satisfaziam, mas de uns tempos a esta parte esta lacuna, que precisa ser sanada. Temos recebido diversas reclamações, inclusive dos comerciantes, para que os sanitários dos quiosques sejam ativados, mas até o momento nada aconteceu e contam com as providências da administração municipal. Alô Prefeito Sérgio, contamos com sua especial atenção, e que os quiosques voltem a funcionar.

CONVITE PARA CONTAR NOSSOS “CAUSOS” – Infelizmente, por motivo de saúde no dia, deixamos de comparecer na Escola Cel. José Martins, para junto aos alunos, contar uns “causos” de nosso folclore. Esperamos que outra oportunidade aconteça e teremos o maior prazer de comparecer. Pedimos desculpas!

SONHO: AVENIDA AMÉRICO LUZ TOTALMENTE ASFALTADA – Dizem os poetas que “sonhar é preciso”, razão pela qual continuaremos enquanto tivermos forças, batendo na mesma tecla, ou seja, nossa principal artéria, a tradicional e linda Avenida Dr. Américo Luz, o coração da cidade, totalmente ASFALTADA e todos os seus canteiros centrais floridos e lindos. O leitor que feche os olhos por um momento, e vislumbre nossa principal via totalmente linda, com asfalto. Não seria a mais linda da região? Dizem que a esperança é a última que morre, razão pela qual ainda temos uma nesga de esperança. Alô Prefeito Esquilo faça um estudo! E será sempre lembrado por tal façanha!

TELEFONEMAS ANÔNIMOS, ATÉ QUANDO? – Até quando teremos que conviver com telefonemas anônimos, fora da hora, procurando denegrir nossa imagem? Que tal pensarem em coisa mais interessante e procurar fazer algo de importante não só para a cidade, mas também para a coletividade em geral? Parem com isso, vamos pensar grande!

JORNALISMO SÉRIO É O IMPORTANTE –
Felizmente, nossa “FR” desde os primórdios de sua existência, sempre se primou em agir de forma correta, imparcial, digna, procurando sempre dar a notícia com isenção, razão pela qual goza do respeito e admiração de todos, com equipe coesa e ciente de suas responsabilidades.

A ERA DOS PARALELEPÍPEDOS JÁ PASSOU – Tudo na vida segue um ciclo e em Muzambinho a “era dos paralelepípedos” já passou há muitos anos, e voltamos sempre a bater na mesma tecla, que nossas principais vias precisam ser ASFALTADAS, mas nossos administradores não querem se atualizar e continuamos a ter rachaduras nas casas, e o trepidar com o trânsito de veículos continua e aumentando sempre. Será que não merece um estudo a respeito? Com a palavra quem de direito, ou estamos errados?

MUZAMBINHO, A “CIDADE QUE TINHA” – E as tardes esportivas, acabaram de vez? Aos domingos e feriados, em toda a cidade e inclusive na zona rural, os campos fervilhavam de jogos de futebol, e de uns tempos a esta parte tudo caiu no esquecimento. Muzambinho aos domingos e feriados mais parece uma “cidade fantasma” onde nada acontece e a juventude não sabe para onde ir, infelizmente! Vamos dar uma guinada? Até a Escola Agrotécnica, onde grandes esportistas se faziam presentes parece que caiu num marasmo sem precedentes! Que tal uma atitude dos Departamentos de Esportes em geral? Muzambinho sempre foi destaque na região, não só na área esportiva, mas em diversos segmentos, mas... o famoso mas... tudo parece tão distante, que será difícil um retorno. Lamentável!

E OS JOGOS ENTRE “AZUL” E “VERMELHO” DO COLÉGIO SALATIEL? – Em tempos imemoriais, com disputas eletrizantes entre facções do Azul e Vermelho, não só no esporte, mas também na escolha das rainhas e misteres mexiam com a cidade, e isto desde os primórdios de sua fundação, mas de uns tempos a esta parte tudo foi esquecido (ou estamos errados?). Com a palavra os dirigentes. Vamos voltar aos bons tempos? E os jogos entre “Atenas e Esparta” acabaram de vez? E a Festa do Peão, caiu no esquecimento? E a exposição de cães, flores, artesanato, e as quermesses, vão ficar somente na memória? E os desfiles de cavaleiros, carros de bois e jogos de futebol nas tardes de domingos na cidade, nos bairros, vão ficar somente na história? Com a palavra quem de direito! Aliás, perguntamos: Não existe uma secretaria na Prefeitura que cuida disso?

FAMÍLIA, O ELO MAIS IMPORTANTE! – Dizem os entendidos que a família é a “célula mater” da humanidade, e quando se atinge a maturidade, constitui um lar com esposa, filhos, netos, genros e noras, é que realmente se constata que o elo mais importante do ser humano é a família, e infeliz é aquele que vive à margem, só e sem amparo. Portanto, devemos a todo custo, procurar manter o elo familiar e até usar aquele famoso lema dos antigos mosqueteiros franceses: “Um por todos e todos por um!”.

PIADA DA SEMANA: PARA QUE SERVE O PAI? – O menino pergunta à sua mãe: Mamãe, mamãe. Se Deus nos dá o que comer; a Cegonha traz os bebês e Papai Noel nos traz os presentes de Natal, posso saber para que serve o Papai? (???)