NÃO HÁ NECESSIDADE DE USAR AGROTÓXICOS

Publicado em 16/08/2019 - vitor-hugo - Da Redação

NÃO HÁ NECESSIDADE DE USAR AGROTÓXICOS

A partir de dezenas de milhares de anos, nós seres humanos conquistamos a posição de espécie dominante sobre o planeta. Desde que as primeiras comunidades se formaram  na Mesopotâmia há cerca de onze mil anos, um espaço de tempo muito curto se levarmos em conta os quatrocentos milhões de anos da suposta evolução biológica . Assim chegamos aos tempos atuais que retratam muito bem a maneira descuidada e degradante  de exploração dos recursos naturais, mesmo sendo mantidos  debaixo de severas  leis  e  vigilância constante, quando deveriam ser protegidos e venerados por todos , agradecidos por esta dádiva Divina que é a vida, desde a bactéria até o maior animal que é a baleia. Em pleno século  XXl , somos capazes de atear fogo nas campinas ,no cerrado ,nas florestas dizimando centenas de vidas ,abelhas , pássaros , animais, gerando  impactos socioambientais  globais   de  grandes dimensões  e complexidades  como  a emissão de gases de efeito estufa , mudanças climáticas  e poluição dos oceanos. Hipócrates, o pai da medicina, que viveu há 400 anos  antes da vinda de Cristo já preconizava que as agressões ambientais eram as causas das doenças epidêmicas, e ainda hoje, passados 2.400 anos ...estamos ai correndo atraz  de vacinas... O destino comum  conclama  a humanidade a assumir  urgentemente uma nova postura diante do que resta dos recursos naturais do planeta ,antes que seja tarde demais. Nós que somos técnicos agrícolas, estudamos  e temos responsabilidade  pela indicação dos produtos químicos que o pequeno agricultor  ou a grande empresa do agronegócio vai aplicar em sua lavoura seja em grandes áreas, sítios, chácaras  ou no fundo do quintal, seja na lavoura de  feijão, milho, sorgo, arroz, batata, café, verduras legumes ou  frutíferas, temos que estar sempre aprimorando nossos conhecimentos, temos que estudar , porque a indústria química é voraz e muito dinâmica ...,como estamos vendo só este ano já foram autorizados 270 novos agrotóxicos  tem produto que foi banido em todo mundo ,destinados direta ou indiretamente a ir para o nosso prato, rico, pobre, jovens, velhos e crianças, não é possível saber se o produto tem resíduos tóxicos ou não , quem vai dizer  isto é o nosso fígado, rins ,pâncreas ,coração, pulmão e tudo mais, se der tempo de avisar .... E o agricultor não é totalmente culpado, ele tem que produzir e obter seu lucro, porque já esta envolvido  no sistema, onde o preço dos insumos, incluindo agrotóxicos  abocanham  quase todo o seu lucro, e quanto mais usa ...mais vai ter que usar. A cafeicultura esta agora enfrentando  as consequências  desta descapitalização que já se arrasta por quase três  décadas por falta de uma  politica mais condizente com a grandeza socioeconômica que a cultura representa para a região sul de Minas .A única saída que enxergamos é uma mudança efetiva na maneira de ser e agir respeitando as leis naturais ,que são as leis de Deus. Repetimos: Não há necessidade de usar agrotóxicos para produzir, tecnologia  avançada, variedades selecionadas ,lavouras bem tratadas e racionalmente bem nutridas, se necessário...irrigadas com sabedoria, nada têm a ver com agrotóxicos.  Um dia destes, na feira, uma senhora nos perguntou: como acabar com os bichos da goiaba...? Respondemos  que : goiaba que tem bichos ...não tem venenos !!!...Faça uma  limpeza no terreno retirando as goiabas caídas no chão , monte armadilhas para capturar as moscas que dão origens aos bichos , ou ensaque as frutas , cuide da goiabeira , enriqueça o solo faça as devidas  podas ...em cada três goiabas colhidas, deixe uma para os bichos, mas, em nome da natureza : não envenene... não  mate....não morra !!!            

  (VITOR HUGO )