População brasileira é convocada a lutar contra mosquito Aedes aegypti

Publicado em 08/04/2020 - saude - Da Redação

População brasileira é convocada a lutar contra mosquito Aedes aegypti

Juntos somos mais fortes. A mobilização de toda a sociedade é fundamental para vencermos a luta contra o mosquito transmissor da dengue, Zika e chikungunya

Juntos somos mais fortes. A mobilização de toda a sociedade é fundamental para vencermos a luta contra o mosquito transmissor da dengue, Zika e chikungunya. No ano passado, só o número de casos de dengue cresceu mais de 600% em relação a 2018. 

Por isso, o secretário de Vigilância em Saúde do ministério da Saúde, Wanderson Kleber, convoca toda a população para acabar com o mosquito.

“Estamos com a oportunidade de eliminar os criadouros dos domicílios, como os pratos de vasinhos de planta, garrafas vazias e outros resíduos, tirando 10 minutos da rotina, ao chegar em casa do trabalho ou durantes os fins de semana. Em todo pequeno local, o mosquito tem capacidade de botar os ovos e ser um criadouro."

A população pode realizar mutirões e engajar a família, os amigos e os vizinhos. Podem ser usados carros de som, redes sociais ou qualquer outro meio de comunicação efetivo para chamar toda a vizinhança. Agentes de endemias, agentes comunitários e outros profissionais que trabalham na eliminação dos focos podem ser importantes aliados nessa batalha. E não se esqueça: utilize equipamento de proteção individual nas atividades de limpeza.

E você? Já combateu o mosquito hoje? A mudança começa dentro de casa. Proteja a sua família. Para mais informações, acesse saude.gov.br/combateaedes.