Exposição na Biblioteca Centenário reúne livros, revistas e folhetos sobre o Carnaval em Poços

Publicado em 19/02/2020 - regiao - Da Redação

Exposição na Biblioteca Centenário reúne livros, revistas e folhetos sobre o Carnaval em Poços

Para celebrar o Carnaval 2020, a Biblioteca Municipal Centenário, no Espaço Cultural da Urca, oferece a exposição “Ó abre alas que eu quero passar”, que reúne livros, revistas e folhetos com a temática carnavalesca. A marcha-rancho da compositora, instrumentista e regente Chiquinha Gonzaga, composta em 1899 e sucesso até hoje, empresta seu nome à exposição, que fica em cartaz até 26/02.  

 “Reunimos alguns livros que compõem o nosso acervo e que têm como tema o Carnaval como, por exemplo, Carnavais, malandros e heróis, do Roberto DaMatta, antropólogo que faz uma análise da nossa sociedade por meio de seus rituais. Colocamos também o ‘Livro de Ouro do Carnaval Brasileiro’, de Felipe Ferreira, estudioso da cultura popular que aborda a história do Carnaval, desde o nascimento, no seio das classes populares, até os dias de hoje, quando se transformou na maior festa popular do mundo”, informa  a coordenadora das Bibliotecas Públicas, Magaly Franco. 

 A mostra, que reúne aproximadamente 20 títulos, também coloca em destaque o livro “Velhos Carnavais”, de Loris Rocha Pereira, que traz as letras dos ranchos e marchinhas carnavalescas de 1944 até 1990. Também compõem a exposição, exemplares da revista O Cruzeiro, com reportagens do Carnaval Carioca da década de 50. Lançada em 1928, por Assis Chateaubriand, O Cruzeiro foi uma das mais proeminentes revistas ilustradas da história da imprensa brasileira, tendo revolucionado o mercado editorial ao criar e ditar padrões e influenciar a opinião pública. A revista foi editada até 1985.

Carnaval sulfuroso

Publicações sobre o Carnaval de Poços de Caldas também estão disponíveis para consulta dos frequentadores da Biblioteca Centenário. Há, por exemplo, o livreto do Carnaval no Palace Casino do ano de 1961, com as letras das marchinhas da época. 

 Também podem ser vistos exemplares da revista poços-caldense Seleções Carnavalescas, dos anos de 1970 e 1980, contendo letras de marchas e sambas-enredo e registros fotográficos de foliões de Escolas de Samba e blocos locais. A publicação foi criada pelo jornalista Décio Alves de Morais em 1952 e continua sendo editada anualmente no município. 

 

Serviço

Exposição “Ó abre alas que eu quero passar”

Data: até 26/02

Local: Biblioteca Pública Municipal Centenário

Endereço: Praça Getúlio Vargas, s/ nº – Centro

Atendimento: de segunda a sexta-feira, das 08h às 18h.