Empresa guaxupeana doa à prefeitura 500 testes rápidos para utilização no enfrentamento à COVID-19

Publicado em 15/08/2020 - regiao - Da Redação

Empresa guaxupeana doa à prefeitura 500 testes rápidos para utilização no enfrentamento à COVID-19

A Prefeitura de Guaxupé, através da Secretaria Municipal de Saúde, recebeu na manhã da sexta-feira (14) 500 testes rápidos da LMG Laser – Comércio Importação e Exportação. A empresa guaxupeana é pioneira do Brasil na fabricação de testes rápidos. Os mesmos serão utilizados na Unidade Sentinela “PSF Aviação” que atende pacientes com sintomas e suspeitos da Covid-19. No município aproximadamente 4 mil testes já foram realizados. O Governo Municipal além desta doação que está recebendo, deverá investir na aquisição de mais testes, ampliando a testagem da população e alcançando um índice menor de subnotificação. 

O produto foi aprovado pela Anvisa e está sendo inteiramente desenvolvido no país e produzido na fábrica da empresa, em Guaxupé. O dispositivo identifica a infecção pelo COVID-19 por meio da detecção de anticorpos para a doença a partir de amostras de soro humano, plasma ou sangue. 

A empresa guaxupeana tem 4,8 mil m² de área total e 2,4 mil m² de área construída, incluindo o laboratório e a fábrica, que tem capacidade de produção instalada de cinco milhões de testes por mês e ambientes de produção com certificação ISO 7. O complexo industrial está aprovado pela Anvisa e poderá produzir mais de 50 tipos diferentes de testes, incluindo zika, chikungunya, toxicológico, etilômetro (medição de álcool para motorista) e Aids, entre outros. O primeiro registro concedido é o do produto para detecção de COVID-19, que terá um volume de fabricação de acordo com a demanda do mercado brasileiro. 

A Secretaria Municipal de Saúde local informa que a aplicação dos testes continuará seguindo os critérios protocolares da Secretaria de Saúde de Estado de Minas Gerais e Ministério da Saúde, cujo objetivo visa o monitoramento, isolamento social e notificação epidemiológica, além, é claro, da assistência aos pacientes positivados.

ASCOM