Com 8 baixas por COVID-19, Caldense pede adiamento do jogo, recebe negativa do STJD e é superada pelo Brasiliense

Publicado em 21/09/2020 - regiao - Da Redação

Com 8 baixas por COVID-19, Caldense pede adiamento do jogo, recebe negativa do STJD e é superada pelo Brasiliense

Brasiliense e Caldense se enfrentaram no Estádio Mané Garrincha na tarde do domingo (20) em Brasília-DF pela rodada de abertura da Série D 2020. A Veterana sofreu com adversidades extra campo e foi superada com gols de Romarinho e Douglas (2 vezes), Filipi Sousa descontou.

O Verdão teve uma série de desfalques de última hora. Na quarta-feira (16), o elenco havia feito os exames de rotina de COVID-19. Os resultados foram divulgados na sexta à tarde e sete integrantes da equipe testaram positivo.

Entre eles os jogadores João Paulo (goleiro), Henrique Luiz (zagueiro), Henrique Caivano (volante), Barbosa (meio-campista), Marco Damasceno (atacante), Antonio Carlos (atacante) e o técnico Marcus Paulo Grippi. Todos estão assintomáticos, passam bem e estão em isolamento.

O auxiliar técnico Guga havia apresentado sintomas gripais na semana passada, quando fez exame, testou positivo e está em isolamento há alguns dias. Com isso o preparador de goleiro Vhenycius Zarpelão comandou a equipe interinamente.

Em virtude dos desfalques, a diretoria alviverde tentou de todas as formas o adiamento da partida junto à CBF e ao Superior Tribunal de Justiça Desportivo do Futebol, mas teve o pedido indeferido pelo STJD e teve de ir à campo, mesmo com apenas 13 jogadores disponíveis.

No início da partida, aos 3 minutos, o Brasiliense teve grande chance em uma bola desviada no setor defensivo da Caldense, que sobrou na cara do gol, mas Maranhão chutou por cima. Na marca de 21, Franklin arriscou de longe e o chute saiu fraco. Aos 37, cruzamento pela direita, Romarinho tenta de cabeça e manda por cima. Dois minutos depois novo cruzamento e Sandy completou no segundo pau para fora.

A Caldense buscava os chutes de longe, mas não levava perigo ao gol adversário. Na marca dos 40, em chute de longe de Romarinho, a bola desviou no meio do caminho e tirou qualquer chance de defesa de Alyson. Brasiliense 1 a 0.

No intervalo, mesmo à distância, o técnico Marcus Paulo Grippi conversou com a comissão técnica e fez alguns ajustes na equipe. Mas logo aos dois minutos a arbitragem marcou um pênalti duvidoso quando a bola bateu no braço colado ao corpo de Filipi Sousa dentro da área. Douglas bateu rasteiro no canto esquerdo do gol e ampliou.

Aos 11, Romarinho avançou pela esquerda, cortou para o meio e bateu colocado do bico da grande área, buscando o ângulo, e acertou a trave. Aos 15, em jogada pelo lado direito de ataque, o Brasiliense chegou à linha de fundo com Sandy, que tocou para trás. Douglas chegou batendo e fez o terceiro.

A Veterana corria atrás do placar e tentava chegar ao gol. Aos 30 minutos, Léo Rafael recebeu cruzamento na área de Verrone e foi derrubado. A arbitragem marcou pênalti. Filipi Sousa bateu, deslocou o goleiro e descontou. Fim de jogo: Brasiliense 3 x 1 Caldense.

O Verdão volta a campo no próximo sábado (26) às 19h30 contra o Atlético-BA no Ronaldão.

 

Ficha técnica Brasiliense 3 x 1 Caldense 20/09/2020

Caldense: Alyson, Guilherme Martins, Morais, Lucas Mufalo, Filipi Sousa, Franklin, Lucas Silva, Verrone, Nathan, Léo Rafael (Carlos Eduardo) e Luis Henrique. Técnico: Marcus Paulo Grippi testou positivo para COVID-19 e Vhenycius Zarpelão comandou a equipe no jogo.
Brasiliense: Fernando Henrique, Sandy (Manteiga), Badhuga, Rodrigo, Bruno Lima, Fernandinho, Luquinhas, Balotelli, Douglas (Marcos Aurélio), Maranhão (Renatinho), Romarinho (David). Técnico: Edson Souza.

Gols: Filipi Sousa 31' 2º T (Caldense) / Romarinho 41' 1º T, Douglas 2' 2º T e 14' 2º T (Brasiliense)

Cartões amarelos: Nathan (Caldense) / Rodrigo (Brasiliense)
Cartões vermelhos: - (Caldense) / - (Brasiliense)
Árbitro: Thiago de Alencar Gonzaga
Auxiliares: Kleber Alves Ribeiro e Renato Gomes Tolentino
Público: Partida com portões fechados devido à pandemia
Renda: Partida com portões fechados
Motivo: 1ª rodada grupo A6 da Série D
Local: Estádio Mané Garrincha em Brasília-DF


ASCOM

Fotos: Renan Muniz / Caldense