Deputado Arantes consegue conquistas importantes junto ao governo no combate ao Coronavírus

Publicado em 29/03/2020 - politica - Da Redação

Deputado Arantes consegue conquistas importantes junto ao governo no combate ao Coronavírus

A Secretaria Estadual de Fazenda anunciou na sexta-feira (27/03), a pedido do deputado Antonio Carlos Arantes, a prorrogação do prazo de validade das Certidões Negativas de Débitos junto ao governo estadual por três meses.  Arantes havia preparado um projeto de lei com medidas para salvaguardar as empresas perante a crise econômica e financeira causada pelo Covid-19: "Começamos a negociar com o governo no final de semana passada, atendendo a uma demanda do Sindicato da Indústria de Software e da Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais (Sindinfor). Felizmente, fomos atendidos na nossa sugestão", explicou o deputado.

O presidente do Sindinfor, Fábio Véras, agradeceu o empenho de Arantes junto ao Governo do Estado: "Prorrogar o prazo das CNDs é uma decisão que ajudará minimizar consequências e as instabilidades na Indústria Digital mineira. A obrigatoriedade da regularidade das certidões representaria demissões e o fechamento da maioria das empresas", afirmou.

Outra demanda do Sindinfor, também apresentada por Arantes, foi aceita pelo Comitê Extraordinário da Covid 19 do Governo de Minas que, na Deliberação nº 17, reconheceu como atividade essencial a desenvolvida pelos trabalhadores de tecnologia da informação e de processamento de dados, como gestão, desenvolvimento, suporte e manutenção de hardware e software, alem de hospedagem e conectividade. Essas atividades poderão continuar funcionando normalmente.

 

LAVANDERIAS TAMBÉM PODERÃO FUNCIONAR

Na quinta-feira (26/03), também a pedido do deputado Antonio Carlos Arantes, atendendo a uma demanda da Federação do Comércio (Fecomércio-MG), o Comitê Extraordinário  publicou a deliberação nº 21 incluindo a atividade de lavanderia como serviço essencial no combate ao coronavírus. O comitê reconheceu que o setor atende a linha hospitalar, fazendo a higienização de todo material, como lençóis, cobertores, dentre outros.

A presidente interina da Fecomércio, Maria Luiza Maia Oliveira, parabenizou o deputado Arantes por conseguir que as lavanderias permanecessem abertas: "São Paulo e Rio de Janeiro já tinham reconhecido o setor como atividade essencial, faltava Belo Horizonte. E o deputado Arantes conseguiu isso", ressaltou.

Antonio Carlos Arantes agradeceu as conquistas: "O governo se mostrou sensível às aflições de trabalhadores e empreendedores. Negócios poderiam ser inviabilizados, empregos deixariam de existir e ninguém quer isso agora. Muitos setores não podem parar", concluiu Arantes.

Texto e fotos: Juvenal Cruz Junot

 

Assessoria de Comunicação
Deputado Estadual
Antônio Carlos Arantes