FALA VEREADOR - Alex Saborito - Jovem supera drama familiar e tem atuação de destaque como vereador em Nova Resende

Publicado em 04/11/2018 - legislativo - Da Redação

FALA VEREADOR - Alex Saborito - Jovem supera drama familiar e tem atuação de destaque como vereador em Nova Resende

Alex de Godoi Saborito ocupa o seu primeiro mandato como vereador em Nova Resende. Aos 26 anos de idade, é o segundo mais jovem a ser eleito, tendo conquistado 369 votos. A liderança falou sobre sua história de vida e trajetória política, revelando anseios maiores e grande vontade de trabalho em prol da população de Nova Resende.

TRADIÇÃO E DRAMA FAMILIAR

Filho de Vivaldo Saborito e Ana Silvina de Godoi Saborito, Alex reside justamente na Rua dos Saboritos, no bairro Vila Dorinto Morato (acesso ao hospital e centro da cidade), comprovando a tradição familiar no município. Seu avô trabalhava com olaria, proprietário de uma área de terras e com o passar dos anos passou a vender os vários lotes, principalmente para familiares. Seus avós, inclusive, são lembrados com os nomes em dois loteamentos, sendo José Saborito e Ana Batista Saborito.

Filho único, Alex morava com o pai, visto que sua mãe havia falecido aos 55 anos de idade quando ele tinha apenas 6 anos. Já em 2010, aos 18 anos, Alex viveu um novo drama familiar. Passou a cuidar do pai acometido com a doença de Parkinson e depois com Alzheimer, até o falecimento em 2015 aos 64 anos. Lembra que foi um período muito difícil e de grande aprendizado. Não conhecia a doença, muitas vezes não era reconhecido pelo pai. Foi obrigado a abrir mão de sua adolescência e parou de estudar para melhor cuidar do pai, visto que contava apenas com o valor da aposentadoria.

INÍCIO NA POLÍTICA

Superado o drama familiar, Alex se tornou trabalhador rural, principalmente na colheita do café. Desde a infância, tinha o desejo de fazer algo a mais pelo município. Observava os candidatos e tomou conhecimento da brincadeira de que vereador somente passava na rua “de quatro em quatro anos para pedir o voto” e depois abandonava o povo. Também acompanhou os mandatos dos ex-prefeitos Ronei Vitor de Brito e Celson José de Oliveira. 

Aos 17 anos, Alex passou a estudar a Lei Orgânica do Município e descobriu a sua votação para a vida política. Esteve finalizado em três partidos políticos (DEM, PSB e PHS), mas sem chances de se candidatar a vereador. A oportunidade surgiu numa reunião com os ex-prefeito Ronei e Celson, além do primo e advogado Júlio Saborito. Assim, foi candidato pelo PP - Partido Progressista, a convite do presidente Odair Silva.

ELEITO E INDEPENDENTE

Alex Saborito foi eleito pelo PP com 369 votos, sendo o mais votado na atual legislatura e segundo vereador mais jovem a ser eleito na história do município. Foi eleito aos 23 anos e tomou posse aos 24 anos. Não se coloca na direita ou esquerda, preferindo uma atuação independente, pensando e defendendo os interesses do povo. Na campanha eleitoral, buscou votos junto a toda população, inclusive na zona rural. Mas revela grande ligação com a juventude, participando de movimentos da Igreja Católica.

A liderança revela uma boa convivência política com os demais vereadores da Câmara de Nova Resende. Lembra que no passado a oposição fez várias denúncias contra os ex-prefeitos Ronei e Celson, até mesmo na última eleição municipal. No momento, o clima é muito positivo, sem denúncias e muito trabalho. O grupo da situação conta com sete vereadores. Mesmo fazendo parte deste grupo de apoio ao prefeito, procura atuar com independência, votando de forma favorável ou não aos projetos do Executivo.

O vereador analisa que o atual presidente Zezé Cruz vem fazendo um bom trabalho à frente da mesa diretora da Câmara. Relatou que no primeiro semestre deste ano a Câmara devolveu R$ 380 mil ao Executivo, resultado de muita economia do dinheiro público. Assim, possibilitou a aquisição de duas máquinas retroescavadeira. Neste segundo semestre, a economia já soma R$ 350 mil. Uma comprovação do bom trabalho desenvolvido pelo presidente Zezé Cruz e todos os vereadores, com o apoio da competente equipe de servidores da Câmara. Alex revela, por exemplo, que viajou quatro vezes a Brasília/DF e conseguiu mais de R$ 1 milhão para o município através do deputado federal Renato Andrade. Afirmou que os demais vereadores também viajam pouco, demonstrando preocupação e cuidado com o dinheiro público.

Alex revela que já surgiram três candidatos do mesmo grupo para a eleição no dia 10 de dezembro. São eles, os colegas Célio Ruela (PSB), Geraldo Boa Sorte (PT) e Robertinho da Serra (AVANTE). Vale lembrar que Geraldo e Robertinho já ocuparam a presidência da Câmara em legislatura anterior. Alex conta que já decidiu o seu voto, optando pelo maior contato e convivência política e pessoal, mas não revelou seu posicionamento.

REDUÇÃO NOS SUBSÍDIOS

Recentemente, o Legislativo de Nova Resende viveu intensa polêmica com projeto de iniciativa popular que visava a redução do valor do subsídio do vereador de R$ 3.450,00 para R$ 954,00. Alex revela que havia assinado de forma favorável ao abaixo-assinado, mas mudou seu posicionamento depois do detalhado parecer da assessoria jurídica, confiando no trabalho do advogado Dr. Paulo Ricardo Bonfim. Com a aprovação do parecer, o projeto não foi colocado em votação. Mas o vereador avisa que, havendo um novo projeto no final do mandato, será favorável à redução nos subsídios. Argumenta que a diferença financeira será de grande importância para o município, devendo ser bem aplicado pelo Executivo. Sua sugestão, inclusive, é aplicar esta “sobra” para a aquisição de uma UTI Móvel para o município, além de aparelhos de Raio X e ultrassom para o hospital.

PROJETO DE APOIO AO IDOSOS

Tendo por base o drama familiar vivido, Alex revela sua intenção de apresentar um projeto para implantação de uma Casa de Apoio aos Idosos do município. A ideia seria a utilização de um espaço para receber os idosos durante o dia, com apoio alimentar e médico, para que a família possa trabalhar e buscar as condições financeiras para a sobrevivência. O idoso, assim, retorna ao convívio familiar no período noturno. O vereador cogita, até mesmo, uma parceria com o Lar São Vicente em Nova Resende, com o projeto podendo acontecer também em outros municípios da região.

FUTURO POLÍTICO

Indagado a respeito, Alex Saborito declara que não definiu sobre o caminho a seguir na política de Nova Resende. Já surgiram conversas sobre uma possível candidatura a vice-prefeito. Porém, pretende ouvir a sua família para tomar uma decisão de candidatura à reeleição como vereador, vice-prefeito ou qualquer outra possibilidade.