MEC repassa R$ 21,59 milhões às instituições federais de ensino de Minas Gerais

Publicado em 22/02/2019 - educacao - Da Redação

MEC repassa R$ 21,59 milhões às instituições federais de ensino de Minas Gerais

O Ministério da Educação liberou, no último dia 18, o montante de R$ 21,59 milhões em recursos financeiros às instituições federais de ensino de Minas Gerais vinculadas à pasta. Os recursos serão aplicados na manutenção, custeio e pagamento de assistência estudantil, entre outros. Desse montante, R$ 1.511.242 foram repassados à Universidade Federal de Juiz de Fora, R$ 4.800.000 à Universidade Federal de Minas Gerais, R$ 660.941 à Universidade Federal do Triângulo Mineiro, R$ 741.298 à Universidade Federal do Vale do Jequitinhonha e Mucuri, R$ 663.028 à Universidade Federal de Alfenas, R$ 790.735 à Universidade Federal de Itajubá, R$ 1.313.842 à Universidade Federal de Lavras, R$ 3.371.600 à Universidade Federal de Uberlândia, R$ 1.091.789 à Fundação Universidade Federal de Ouro Preto, R$ 1.519.901 à Fundação Universidade Federal de Viçosa, R$ 787.730 à Fundação Universidade Federal de São João Del Rei, R$ 540.884 ao Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais, R$ 913.639 ao Instituto Federal de Minas Gerais, R$ 961.936 ao Instituto Federal do Norte de Minas Gerais, R$ 588.977 ao Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais, R$ 770.286 ao Instituto Federal do Sul de Minas Gerais e outros R$ 563.519 destinaram-se ao Instituto Federal do Triangulo Mineiro.

No total, foram liberados R$ 132,71 milhões para instituições de todo o país. A maior parte dos valores, R$ 97,63 milhões, será repassada às universidades federais, incluindo repasses para hospitais universitários. Já a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica receberá R$ 34,64 milhões. O restante, R$ 440 mil, será repassado ao Instituto Nacional de Educação de Surdos (Ines), ao Instituto Benjamin Constant (IBC) e à Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj).

Este ano, o MEC autorizou o repasse de R$ 611,86 milhões para as instituições federais brasileiras vinculadas à pasta, incluindo o que foi destinado ao pagamento de despesas das universidades e institutos federais, do Instituto Nacional de Surdos, do Instituto Benjamin Constant e da Fundação Joaquim Nabuco. Somente para o estado de Minas Gerais, já foram repassados R$ 100,93 milhões ao longo do ano de 2019.

 Assessoria de Comunicação Social