Seleção em Poços é destaque em mostra do Museu do Futebol em SP

Publicado em 05/07/2018 - regiao - Da Redação

Seleção em Poços é destaque em mostra do Museu do Futebol em SP

A mostra virtual “A Seleção Brasileira em Poços de Caldas”, iniciada ontem 3 de julho, integra a exposição “A Primeira Estrela: o Brasil na Copa de 1958”, que acontece até 9 de setembro no Museu do Futebol, localizado no Estádio do Pacaembu, em São Paulo. O projeto traz, ainda, outros registros da preparação da equipe na caminhada até a conquista da Copa do Mundo na Suécia.

Em 2018, ano em que o Brasil comemora o 60º aniversário de sua primeira Copa do Mundo, o Museu do Futebol, instituição da Secretaria da Cultura do Estado, traz imagens de Antônio Lúcio (1930-2000), fotógrafo do Jornal O Estado de São Paulo que acompanhou, em 1958, a preparação da Seleção em Poços de Caldas.

A exposição audiovisual e interativa aborda a simbologia da conquista e apresenta elementos inéditos sobre uma campanha que moldou, de forma definitiva, a relação do país com o esporte mais popular do planeta. A mostra ocupa 220m2 no andar térreo e traz, ainda, momentos do futebol-arte, que deu início a trajetória vitoriosa do país, e lançou ao mundo a dupla Pelé e Garrincha.

As fotos em Poços são da primeira fase dos treinos, realizados entre os dias 10 e 21 de abril, de 1958, que contou com 35 atletas. Desses, apenas 22 integraram a comitiva que viajou para a conquista da 1ª Copa do Mundo. A passagem pela estância sul-mineira foi relevante, porque pela primeira vez a Seleção Brasileira realizou a preparação fora do Rio de Janeiro.

O período de concentração em Poços foi considerado um dos mais organizados até então. Na cidade, os jogadores passaram por avaliações médicas, odontológicas e psicológicas. Também o tipo de treinamento, proposto pelo preparador físico Paulo Amaral, foi reconhecido como super rigoroso para época.

O fotógrafo Lúcio morreu em 2000, acometido por um câncer, e o acervo foi encontrado, em 2013, pela filha dele, a jornalista Sílvia Herrera, que organizou o material e, em 2018, lançou ou livro “Seleção Nunca Vista”. O livro e as fotos integram a exposição “A Primeira Estrela”: o Brasil na Copa de 1958.

A mostra pode ser vista também na plataforma “Google Art & Culture”, uma iniciativa para difundir acervos e pesquisas do Centro de Referência do Futebol Brasileiro (CRFB). O acesso a exposição pode ser feito no site do Museu do Futebol.

A exposição "A Primeira Estrela: o Brasil na Copa de 1958" tem patrocínio do Banco Itaú, por meio da Lei Rouanet, e apoio da Epson. O Museu do Futebol é uma iniciativa do Governo e da Prefeitura de São Paulo, com concepção e realização da Fundação Roberto Marinho.

 

Serviço:

Exposição: “A Primeira Estrela”

Exposição virtual: "A seleção em Poços de Caldas"

Local: Museu do Futebol (Estádio do Pacaembu – SP)

Praça Charles Miller, S/N

Período: até 9 de setembro

Horário de funcionamento: De terça a domingo, das 9h às 18h (Bilheteria até 17h)

Ingresso: R$ 12 inteira e meia-entrada a R$ 6. Gratuidade às terças-feiras


ASCOM