Projeto Melhor Amigo realiza mais de 1.300 cirurgias de castração em quatro meses em Poços

Publicado em 11/04/2018 - regiao - Da Redação

Projeto Melhor Amigo realiza mais de 1.300 cirurgias de castração em quatro meses em Poços

Os primeiros quatro meses do Projeto Melhor Amigo da Secretaria Municipal de Saúde atingiram números que superaram as expectativas. Até o momento já são 2.229 animais cadastrados e destes, 1.377 já passaram pela cirurgia de castração. “Foi uma iniciativa muito bem aceita pela população, a procura pelo serviço tem sido grande e frequente e o resultado é este número expressivo de atendimentos realizados nestes primeiros quatro meses”, avaliou Flávio Togni de Lima e Silva, secretário de Saúde.

Além da cirurgia de castração, os animais atendidos pelo Programa também recebem um chip que armazena dados de localização. Caso este animal se perca e seja encontrado pela equipe do CCZ – Centro de Controle de Zoonoses, um leitor permitirá a leitura destas informações e o encaminhamento do bichinho ao seu lar. O Programa Municipal de Castração de Cães e Gatos faz parte do Projeto Melhor Amigo, da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Saúde, com a participação das secretarias de Defesa Social, Esportes, Obras e Serviços Públicos. Lançado no início de dezembro, a meta para a primeira fase era a realização de 2.400 cirurgias, número que vai ser ampliado. “Nós já pedimos um termo aditivo para realizar mais 600 cirurgias, ou seja, 25% além das 2.400, totalizando 3.000 cirurgias. E enquanto isso, será aberto um novo credenciamento para clínicas que tenham interesse em participar. O nosso objetivo é que este Programa se torne permanente”, afirmou o secretário de Saúde.

 

Cadastro

Toda segunda, o atendimento é das 8h às 12h ou até a distribuição de 150 senhas, cota semanal para cadastro. É necessário levar RG, CPF e comprovante de residência. Não é necessário levar o animal mas é importante fornecer informações solicitadas para o cadastro, como raça, idade aproximada e características físicas. O responsável pode escolher entre as três clínicas credenciadas, que têm até três meses para a realização das cirurgias e já sai do cadastro com a guia de autorização de procedimento que deve ser agendado diretamente no veterinário. O cadastramento é feito na Secretaria Municipal de Saúde – Divisão de Vigilância em Saúde Ambiental, na Rua Pará, 284, entrada pela Rua Rio Grande do Sul. Outras dúvidas podem ser esclarecidas pelo 3697 – 5977.

ascom