Cemig capta propostas de projetos de Pesquisa e Desenvolvimento

Publicado em 13/09/2018 - geral - Da Redação

Cemig capta propostas de projetos de Pesquisa e Desenvolvimento

Serão investidos R$ 40 milhões em propostas para acelerar as transformações tecnológicas dentro da empresa 

Os interessados em participar da seleção de propostas para o Chamamento Público do Programa de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico Cemig-Aneel 2018 têm até o dia 1° de outubro para submeter suas propostas à Companhia. O edital já está disponível para consulta no site da Cemig. 

De acordo com o  diretor de Relações Institucionais e Comunicação da Cemig, Thiago de Azevedo Camargo, um dos objetivos desse edital é desenvolver o futuro da Companhia e contribuir com o ecossistema de inovação de Minas Gerais. “Serão investidos R$ 40 milhões em propostas que podem ajudar a Cemig a ser mais eficiente, a reduzir custos e oferecer um melhor serviço ao consumidor”, afirma. 

O superintendente de Tecnologia, Inovação e Eficiência Energética da Cemig, Carlos Renato França Maciel, explica que o chamamento público baseia-se na nova estratégia de investimento em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) da Companhia, elaborada a partir do Plano Estratégico de Inovação de Tecnologia Digital da empresa, denominado Cemig 4.0. “O Programa Cemig 4.0 é disruptivo, aponta para o futuro e consiste em três eixos fundamentais, chamados 3D: Digitalização, Descarbonização e Descentralização. Eles têm o objetivo de orientar os investimentos em P&D e acelerar as transformações tecnológicas dentro da empresa”, explica. 

De acordo com o professor de Harvard e do Departamento de Ciência da Computação da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Virgílio Almeida, as propostas de P&D deverão ser apresentadas atendendo a pelo menos uma das oito demandas tecnológicas descritas nas iniciativas estratégicas do edital. São seis do eixo Digitalização, uma de Descentralização e uma de Descarbonização. “Entre os critérios de avaliação, a originalidade tem caráter eliminatório. Há ainda critérios usados pela Aneel no processo de avaliação dos projetos e outros de natureza estratégica”, explica. 

O edital visa também fomentar a participação de Universidades, Centros de Pesquisa, empresas e startups na apresentação de propostas que atendam todas as fases da cadeia de inovação. O julgamento e seleção das propostas serão realizados em duas etapas: pré-qualificação e avaliação de mérito. A divulgação dos projetos selecionados será no dia 19 de outubro de 2018.

 O prazo para execução dos projetos aprovados deverá ser acordado com a Cemig, sendo que a duração mínima é de 12  meses e a máxima é de 36  meses. 

ASCOM