COLUNA MG (13 de Abril)

Publicado em 16/04/2018 - coluna-minas-gerais - Da Redação

COLUNA MG (13 de Abril)

CPI da UPA ouve membros da Santa Casa

            A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga irregularidades na Unidade de Pronto Atendimento Padre Roberto (UPA) irá ouvir na próxima segunda-feira, 16, membros da Santa Casa de Formiga. As oitivas começaram no dia 23 de março, mas não podem ser acompanhadas, pois os membros da Comissão optaram por manter sigilo nos depoimentos, para que as investigações não sejam prejudicadas. Duas pessoas ligadas à unidade e à Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) já prestaram depoimento. Vereadores visitaram a UPA e constataram diversas irregularidades no local. (Portal Agora - Divinópolis)

 

2ª Liquida Teó supera todas as expectativas

            Foi realizada entre os dias 5 e 8 de abril, a segunda edição do Liquida Teó - A Maior Liquidação de Teófilo Otoni e Região. Montado na Praça Tiradentes, região central de  Teófilo Otoni, o evento reuniu 49 empresas de diversos segmentos do varejo e prestação  de serviços e superou a primeira edição, realizada em novembro de 2017, em todos os  quesitos, gerando mais de R$ 1,5 milhão em vendas diretas e recebendo mais de 40.000  visitantes durante os quatro dias de realização. (Tribuna do Mucuri)

 

Secretaria faz intervenção em clínica

            A Secretaria de Saúde de Juiz de Fora realizou intervenção em uma das 17 residências terapêuticas que ainda estão sob gestão da Associação Casa Viva. A entidade não se qualificou no chamamento público realizado pela Prefeitura, em 2017, para administração de 29 moradias destinadas ao acolhimento de pessoas com transtornos mentais que permaneceram em longas internações psiquiátricas e que não puderam retornar para as suas famílias de origem. A decisão de intervenção ocorreu depois que uma residente apareceu com diversas marcas roxas no braço em vídeo feito pela Tribuna. (Tribuna de Minas - Juiz de Fora)

 

Hospital passa por mudanças administrativas

            A Secretaria de Estado de Saúde, por meio de nota enviada à imprensa local, comunicou a decisão do Ministério Público de não continuar com a intervenção no Hospital Nossa Senhora Auxiliadora (HNSA), e solicitou a substituição da equipe gestora, comandada pela diretora interventora Flávia Eugênia. A intervenção no hospital iniciou em abril do ano passado, após a formação de uma comissão interventora, formada por representantes da Secretaria de Estado de Saúde, do Ministério Público e da Prefeitura de Caratinga, devido a uma crise administrativa e financeira anunciada na época. (A Semana Agora - Caratinga)

 

Filme do Virada Varginha vai ser lançado

            Realizada entre os dias 1º e 5 de novembro do ano passado, a Virada Varginha mobilizou mais de 150 atrações gratuitas espalhadas por todas as regiões da cidade. O filme, com cerca de quatro minutos, sintetiza as atividades em áreas como da música, cinema, instalações artísticas, ufologia, café, corridas e caminhadas, ações para crianças e idosos, saúde, ecologia, entre outras que rolaram durante os dias do festival. Foram 30 espaços públicos e privados de Varginha que acolheram ações do que foi o maior evento já promovido na história da cidade. Outro atração de alta repercussão foi a aparição relâmpago do ET de Varginha. (Gazeta Varginha)

 

Definida fórmula de disputa do Ruralão

            Atletas e torcedores já estão na expectativa do início da temporada 2018 do Campeonato Ruralão. A competição que, pelo quarto ano consecutivo, é organizada pela Prefeitura de Araxá, através da Secretaria de Esportes, irá reunir 23 equipes. O campeonato começa com o Torneio Início será disputado no dia 6 de maio. A organização do Ruralão 2018 se reuniu com os representantes dos clubes participantes e definiu a fórmula de disputa do campeonato. Na primeira fase os times serão divididos em três chaves, jogando entre si em turno único. (Diário de Araxá)

 

Prefeito autoriza cirurgias de catarata

            O prefeito José Roberto de Oliveira autorizou a Secretária Municipal de Saúde de Leopoldina, Lúcia Helena Fernandes da Gama, a liberar 800 consultas oftalmológicas e 80 cirurgias de catarata para pacientes do SUS. Alguns serviços que a Secretaria de Saúde presta, tem seu número represado por diversos motivos, dentre eles, quando não se tem certo profissional disponível no município, a Secretaria busca esse serviço em outras cidades através da PPI (Programação Pactuada Integrada) e muitas vezes as cidades contratadas não cumprem devidamente o que foi pactuado. (Leopoldinense)

 

Doenças fazem cair doação de sangue

            A incidência de febre amarela no Estado e os surtos de conjuntivite em várias cidades da região Norte afetaram o estoque de sangue em Montes Claros. No Hemocentro Regional o número de doadores caiu pela metade no último mês. Para tentar reverter o quadro, o Hospital das Clínicas Mário Ribeiro e a Funorte começaram uma campanha para incentivar o aumento da captação.  Pessoas diagnosticadas com conjuntivite só podem doar sangue ao menos 15 dias após o desaparecimento dos sintomas. (O Norte de Minas - Montes Claros)

 

Guaxupé terá celas para menores

            Uma decisão do juiz da Comarca de Guaxupé autorizou a construção de duas celas especiais no presídio Guaxupé-Guaranésia para receber menores infratores por um tempo determinado. Esses menores tem tido grande participação em crimes no Sudoeste mineiro. O juiz da Vara da Infância e da Juventude, Milton Furquim, teve o aval do Juiz Corregedor do presídio, Bruno M. Raimundo, para construir as celas especiais. Agora, resta apenas a liberação da Superintendência de Estado de Segurança Pública. O magistrado observa que a medida é absolutamente paliativa. (Folha Regional - Muzambinho)


ascom