Governo de Monte Belo ampliou ações na saúde

Publicado em 21/01/2018 - regiao - Da Redação

Governo de Monte Belo ampliou ações na saúde

Na terça-feira, 16 de janeiro, a administração municipal de Monte Belo promoveu importantes inaugurações na área de saúde. A unidade de Estratégia de Saúde da Família do bairro Vila Rica está pronta para entrar em funcionamento. O prédio foi construído pelo governo anterior e devidamente equipado pela atual administração, que também promoveu a formação da equipe de profissionais. Também foi inaugurada a unidade Estratégia de Saúde da Família no bairro Jardim Eldorado, em residência alugada e adaptada para prestar o melhor atendimento à população.

As inaugurações contaram com as presenças do prefeito Valdevino de Souza, vice-prefeita Marina, Secretário Luiz Otávio Tomás (Saúde), vereadores Pezão, Nilsinho, Cida, Rosária e presidente Claudinho, profissionais das duas equipes que estarão atuando nas unidades inauguradas, Secretários Municipais, membros do governo e populares.

O prefeito Valdevino de Souza confirmou que a unidade do bairro Vila Rica é uma construção executada no governo anterior. Portanto, a sua administração está iniciando as atividades no local. No primeiro ano de governo, foi possível organizar as equipes e mobiliar a unidade, oferecendo a estrutura necessária para o início do funcionamento e melhor atendimento à comunidade. Já a unidade do Jardim Eldorado, o atual governo alugou uma residência para o início das atividades.

Valdevino de Souza considerou um momento muito importante de sua administração, pois a população contava apenas com o posto de saúde, que concentrava todo atendimento. Agora, passa a contar com três unidades do PSF: Bom Jesus, Vila Rica e Jardim Eldorado. A expectativa é que o atendimento seja ainda melhor e com redução significativa das filas. Até porque as unidades proporcionam 65% de cobertura no município. Para o próximo ano, é intenção inaugurar novas unidades nos Distritos de Jureia e Santa Cruz da Aparecida, chegando a uma cobertura de 100% da população. 

Mesmo depois do primeiro ano de governo, Valdevino revelou que ainda não foi possível organizar totalmente a área de saúde. Mas a expectativa é a melhor possível, já no final deste processo de organização, para depois desenvolver um melhor trabalho neste setor. Atualmente, o investimento na área de saúde representa 29% do orçamento, enquanto que a exigência legal é o mínimo de 15%. A despesa mensal gira entre 450 e 500 mil reais, considerando manutenção e pessoal. 

A vice-prefeita Marina também valorizou as ações na área de saúde, principalmente destacando o grande benefício direto à população. Lembrou que a cidade está crescendo a cada dia, o mesmo ocorrendo com as famílias. Marina manifestou a sua confiança de que seja prestado um ótimo atendimento às comunidades abrangidas. A expectativa, inclusive, é desafogar as filas de atendimento no posto de saúde central.

Secretário municipal de Saúde, Luiz Otávio Tomás analisa que as novas unidades representarão uma melhoria de pelo menos 50% na porta de entrada dos pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde) no município. Explicou que a Atenção Primária soluciona 80% dos problemas de saúde no município e a cobertura sempre foi mínima (20%). Agora, graças ao empenho da administração municipal e de todos os servidores, a cobertura passa para 65%. “É uma melhora significativa e com certeza vai render muitos frutos, tanto na parte de qualidade, quanto na quantidade de atendimentos”, disse. As duas unidades, Santa Rita e Eldorado, tem grande área de abrangência. Entre os serviços ofertados, destaque para o atendimento médico e acolhimento humanizado do paciente.