Pré-carnaval: Ligação provisória deve ser solicitada com antecedência

Publicado em 09/02/2019 - geral - Da Redação

Pré-carnaval: Ligação provisória deve ser solicitada com antecedência

Cemig orienta que os pedidos sejam feitos pelo menos 48 horas antes do evento

O pré-carnaval está mobilizando foliões em diversas cidades de Minas Gerais. Mas a festa não é só divertimento: a economia é aquecida, e barracas e comércios são criados para a comodidade dos foliões, sendo que a energia elétrica é fundamental para o funcionamento dessas estruturas provisórias.    

Por isso, os organizadores também devem ficar atentos ao prazo de atendimento para solicitar as ligações provisórias à Cemig. Segundo o agente de processos comerciais da Companhia Rosano Figueiredo Guilherme, o ideal é que os requerimentos sejam encaminhados com, no mínimo, 48 horas de antecedência a qualquer agência da Cemig.  Vale lembrar que não poderá haver débito vencido em nome do solicitante. No caso de evento realizado em via pública, será obrigatória a apresentação de documento de autorização emitido pela prefeitura ou outro órgão competente. 

“Caso seja necessária a ligação provisória de energia elétrica, o responsável deve ir até a agência da Cemig mais próxima, informar o local e os equipamentos elétricos a serem utilizados e pagar a taxa referente à prestação do serviço que será executado por técnicos da empresa. Além disso, todo serviço de instalação elétrica interna das barracas deve ser feito por profissional especializado, eletricista predial ou padronista”, explica Figueiredo. A fiação também deve ser disposta de forma que não haja risco de energização acidental da estrutura da barraca, o que poderia colocar em perigo as pessoas e resultar até em acidentes graves e fatais. 

O engenheiro de segurança Demétrio Venício Aguiar, da Cemig, também recomenda que os enfeites de ruas e praças, como as típicas bandeirolas, faixas e outros adereços, sejam feitos com materiais isolantes, biodegradáveis e que não sejam afixados próximos da rede elétrica. Os fogos de artifício devem ser manuseados somente por adultos e utilizados em locais distantes da fiação, afastados de bandeirinhas e outros materiais que apresentem risco de incêndio.


ASCOM