Em jogo amistoso, Suplentes da Caldense vencem a Seleção de Poços

Publicado em 02/05/2018 - esportes - Da Redação

Em jogo amistoso, Suplentes da Caldense vencem a Seleção de Poços

Em meio a participação na Série D do Campeonato Brasileiro, a Caldense foi ao Ronaldão na terça (01) com seus suplentes para encarar a Seleção de Poços. A partida fez parte da Taça Ademar de Souza Barros e serviu para dar ritmo de jogo aos atletas que não têm atuado na competição nacional. Com dois gols de Émerson, a Veterana venceu por 2 a 0.

 

O técnico Johnatan Alemão começou a partida com Fernando; Matheus Roldan, Vinícius, Valter, Michel; Pedro, Tonini, Kennedy; Bilu, Potita e Émerson. Ao longo do jogo entraram Erick, Marcos, Pablo, Felipe, Élton, Vinícius Fininho e Émerson Firmino.

 

A Seleção de Poços começou com Rafael, Mateus, Café, Jonathas, Léo Caxeta, Marquinho, Clebinho, Gabriel, Deivinho, Chumbinho e Marcelinho. No decorrer da partida os técnicos Marcos e Sílvio ainda colocaram Fifi, Tuta, Kim, Mateus Ribeiro, Jean Luca, Negueba, Dil, Jean, Renan, Dedé e Dida.

 

A Veterana ficou com a posse de bola na maior parte do tempo e criou as melhores oportunidades de gol. Logo nos primeiros minutos Émerson acertou uma cabeçada na trave. A Seleção de Poços chegava firme na marcação. O zagueiro Café fez falta dura, recebeu amarelo, continuou reclamando e acabou expulso. Mas como era uma partida amistosa, a arbitragem permitiu que outro jogador entrasse em seu lugar.

Momentos depois, o zagueiro alviverde Vinícius também foi expulso. Em uma tentativa de matar um contra-golpe, o camisa 3 do Verdão chegou forte por baixo e atingiu Deivinho, que teve de deixar o campo de ambulância com fratura na canela.

 

Aos poucos o gol alviverde aproximava de sair, até que aos 34, Bilu puxou um contra-ataque e rolou para Émerson, que deu uma meia-lua no marcador, invadiu a grande área e bateu com a canhota para abrir o placar. No final da primeira etapa, Potita teve duas belas oportunidades mas não conseguiu marcar. Bilu ainda acertou o travessão em um chute da intermediária.

 

Na segunda etapa, com as equipes bastante modificadas o jogo ficou morno. A Caldense mandou a campo diversos jovens que estão sendo avaliados pela comissão técnica, entre eles Marcos, Pablo, Felipe, Élton e Émerson Firmino, além de Vinícius e Valter, que começaram jogando. Aos 30 minutos Pablo, que é chamado pelos companheiros por Tchê-tchê, fez bela jogada na ponta-direita, saiu de dois adversários e enfiou a bola para Émerson marcar seu segundo gol e fechar o placar, Caldense 2 x 0 Seleção de Poços.


 ascom