Pedagogia do Unifeg exibe valioso projeto sobre a cafeicultura, a ferrovia e os imigrantes

Publicado em 23/06/2018 e atualizado em 22/06/2018 - educacao - Da Redação

Pedagogia do Unifeg exibe valioso projeto sobre a cafeicultura, a ferrovia e os imigrantes

Universitários levantaram pesquisas, resgataram episódios marcantes da história e, ao final, compartilharam com todo o Unifeg o que descobriram em dois meses de trabalho

Alunos do curso de Pedagogia pelo Centro Universitário da Fundação Educacional Guaxupé apresentaram, na noite de terça-feira, 19 de junho, o “Projeto Interdisciplinar – A Festa do Café”. Elaborado pela turma do 5º período, o trabalho acadêmico em questão constou do resgate da tradição guaxupeana, no que diz respeito à cafeicultura, a Mogiana e os imigrantes. Liderada pela coordenadora da referida graduação, professora doutora Marilda Rabello Ribeiro do Valle, com os apoios dos demais docentes, a produção científico-cultural foi exibida no pátio centro das escolas da FUNDEG, tendo a iniciativa sido muito bem aceita pelo público estudantil.

A exibição constou de cinco grupos, à frente de estandes com demonstrações práticas sobre o tema central: “No nosso caso, estamos apresentando curiosidades sobre a Literatura, aliada ao café, suas origens e importância para a cultura, a economia e a região, de modo geral. Sem dúvida, foi muito importante participar, pois além do intuito interdisciplinar, pudemos aprender muito sobre o assunto proposto”, comentou a aluna Brenda Hellen Sipola Pereira, que igualmente às colegas, se dedicou ao trabalho por dois meses até a noite de apresentação.

À mostra durante o período do intervalo de aulas, o trabalho do 5º período de Pedagogia/Unifeg foi apreciado por um público expressivo: “Eu fiquei muito contente quando vi esta exposição, pois trabalho na Cooxupé, a maior cooperativa de café do mundo e sempre me chama a atenção quando deparo com temas ligados à empresa. Na verdade, é muito bom este tipo de evento, já que boa parte das pessoas apreciam e tomam um cafezinho, mas não têm conhecimento do que acontece até ele chegar à mesa. Parabenizo ao curso de Pedagogia pela iniciativa”, disse o universitário Cleber Tadeu dos Santos, do 7º período de Comunicação Social (Publicidade e Propaganda).

Admirada pela forma séria e atual com que administra o curso de Pedagogia no Unifeg, a professora Marilda reuniu uma equipe de professores para avaliar, na prática, as apresentações. Exigente, ela elogiou às performances dos alunos: “Estava até comentando com os demais professores a riqueza dos trabalhos, o nível de engajamento dos discentes e o resultado só poderia mesmo ser melhor do que esperávamos. Foi um trabalho desgastante, que uniu a teoria, a pesquisa e a prática, tendo os alunos se aplicado em diferentes tipos de atuação. E isto remeteu exatamente ao objetivo do trabalho, que era avaliar o potencial interdisciplinar de cada um”, definiu a coordenadora. 


Carlos Alberto